Marco Antonio Rossi será homenageado pelo CQCS Insurtech & Inovação 2019

O CQCS Insurtech & Inovação vai prestar uma homenagem a Marco Antônio Rossi, que faleceu após um acidente de avião no final de 2015, quando era vice-presidente do Bradesco e presidente da Bradesco Seguros. A organização do mais relevante encontro de inovação em seguros da América Latina vai colocar seu nome em uma das salas em que acontecerão as palestras no período da tarde.

“Meu pai era apaixonado por aquilo que ele fazia e sempre buscava se atualizar e estar entregando o melhor possível. Com isto, ele sempre buscava se renovar e conquistava sempre novos patamares de inovação. Ele merece o título por toda dedicação que ele teve na vida. Um homem de inúmeras qualidades que via no seu time, pessoas sempre capazes de realizar o melhor e tirava deles o melhor”, disse seu filho, Marco Antônio Rossi Filho.

Apesar de sua partida precoce, o executivo se imortalizou no setor com as grandes transformações que realizou. Boa parte dos seus quase 35 anos de carreira foi dedicada a Bradesco Vida e Previdência S.A. Começou na empresa em 1981 e passou por todos os escalões até tornar-se diretor-presidente em 2002, permanecendo até 2010.

Em 2009, Rossi acumulou a presidência da BSP Affinity Ltda e da Bradseg Participações, além de ser vice-presidente da BP Promotora de Vendas (desde janeiro de 2012). No começo de 2012, foi eleito vice-presidente executivo do Banco Bradesco.

Ao longo de sua carreira, o executivo também foi vice-presidente do Conselho de Administração da Odontoprev; diretor-presidente da Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados e de Capitalização (Fenaseg); presidente do Conselho Diretor da CNSeg (Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização); e presidente da Federación Interamericana de Empresas de Seguros (FIDES).

Rossi se tornou também presidente da Federação Nacional de Previdência Privada e Vida (Fenaprevi) e Diretor-Presidente da Atlântica Companhia de Seguros. Na época do acidente que o vitimou, Rossi ocupava ainda o cargo de presidente da CNSeg.

Para Gustavo Doria Filho, fundador do CQCS, a homenagem se justifica porque é preciso entender o valor dos que vieram antes. “Se as pessoas no passado não tivessem feito a sua parte, não haveria espaço hoje para fazer as mudanças necessárias. A presidência de Marco Antônio Rossi na CNSeg é emblemática e sempre será lembrada”.

Outros três executivos também serão homenageados pelo CQCS Insurtech & Inovação. Além de Rossi, as quatro salas em que acontecerão as palestras no período da tarde receberão também os nomes de João Elísio Ferraz de Campos, Jayme Garfinkel, e Lucio Flávio Condurú.

O CQCS Insurtech & Inovação 2019 será realizado nos dias 12 e 13 de junho, no Centro de Eventos Pro Magno, em São Paulo. São esperados em torno de 1,5 mil participantes, o triplo de visitantes da primeira edição. Para mais informações, acesse www.cqcsinsurtech.com.br.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *